"Uma coisa tenha custe o que custar: PALAVRA; outra coisa não tenha nunca: UM PREÇO (Dona Isaura)

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Romário e Tiririca são os destaques da posse na Câmara

Humorista diz que apesar de recém operado, 'dá para aguentar quatro anos de mandato'

Brasília - Os 513 deputados federais eleitos em outubro tomaram posse no plenário na Câmara dos Deputados em Brasília. A cerimônia foi marcada por muita confusão com salões lotados, pessoas barradas e assédio aos novos parlamentares mais populares.


Tiririca (PR-SP) e Romário (PSB-RJ) foram os mais assediados na posse. O primeiro teve o nome aplaudido no momento em que seu nome foi anunciado. Assim que chegou naCasa, ele recebeu os cumprimentos dos colegas e conselhos da ex-governadora do Rio,deputada Benedita da Silva (PT-RJ). Sobre a operação pela qual passou na semana passada, o novo parlamentar foi enfático:
"Fui operado, mas dá para aguentar quatro anos de mandato", disse.
Foto: Agência Brasil
Deputado Tiririca ri durante juramento | Foto: Agência Brasil
Já Romário permaneceu a maior parte do tempo no fundo do salão. Ele chegou a reclamar do intenso assédio, afirmando que queria acompanhar a cerimônia. No entanto, um colega seu de parlamento o ex-participante do Big Brother e deputado Jean Willys (PSOL-RJ) fez questão de tirar uma foto com o craque.
Foto: Agência Brasil
Romário conversa com Jean Willys, que pediu uma foto com o craque | Foto: Agência Brasil
Na cerimônia, todos os deputados tiveram seu nome lido um a um e posteriormente fizeram um juramento coletivo. A sessão foi presidida pelo presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), que tenta a reeleição na votação que começa às 18h desta terça. 


O vice-presidente da República, Michel Temer, representou o Executivo na solenidade.

Um comentário:

Paulo Henrique disse...

O Amim e outros deputados também riram no juramento(foto)...mas a imprensa só observou o Tiririca